segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Amor Pleno (To The Wonder) - O Amor não é apenas um sentimento.


Título: Amor Pleno (To The Wonder) - 2013
Diretor: Terrence Malick
Roteiro: Terrence Malick
Elenco: Ben Affleck, Olga Kurylenko, Javier Bardem, Rachel McAdams


O que é o amor? Terrence Malick tenta nos responder sem sucesso, porém nos faz compreender por quais caminhos essa sentimento pode nos levar; caminhos esses muitas vezes desconhecidos e imprevisíveis.

"Você pensou que tínhamos a eternidade, e esse tempo não existe"

A frase é emblemática e condiz com o objetivo do diretor Terrence Malick em traduzir em imagens e sons um sentimento. O diretor faz parte do seleto grupo que possui identidade própria, com uma linguagem cinematográfica complexa e bela, que nos transporta para a história com uma sutileza gritante, quase fria.


Quem não gostou de Árvore da Vida, é melhor passar longe de Amor Pleno; apesar de possuir um ritmo e roteiro mais acessível, ainda é considerado cinema para poucos. A formulá pode soar cansativa até mesmo para os fãs do diretor, mas é inegável que ela ainda funciona, a ponto de colocar essa produção entre as melhores do ano.

O elenco possuí nomes de peso como Ben Aflleck, Olga Kurylenko, Rachel McAdams e Javier Badem. Com destaque para Kurylenko que vem em constante evolução e aqui entrega sua melhor atuação.

A película é uma poesia animada, os personagens estão ali para traduzir palavras em imagens, sons em emoções e sentimentos em experiência. As várias fases do amor carnal estão presentes, inicio, tranquilidade, ,crise, afastamento, traição e separação; assim como o amor divino, o amor da fé, que ganha vida através do personagem de Bardem que ama o invisível e muitas vezes o incompreendido.

Amor Pleno é um exercício cinematográfico que requer maturidade para ser absolvido, longe das metáforas e sonhos de princesas, o amor aqui é tratado de forma real e sem frescuras e mesmo assim soa tão belo e irresistível.

"O amor não é apenas um sentimento.
 O amor é um dever.
 Você amará"







Nenhum comentário:

Postar um comentário