terça-feira, 14 de maio de 2013

As Sessões (The Sessions) - 2012


As Sessões é um pequeno grande filme. Com extrema sensibilidade, somos introduzidos em um assunto de pouco conhecimento da maioria; afinal, nem todo mundo sabe como é a vida sexual de um deficiente.

Na trama, acompanhamos a vida de Mark O´Brien (John Hawkes), um homem de meia idade que contraiu poliomielite aos 6 anos de idade. A doença o deixou imobilizado do pescoço para baixo, mas ainda consegue sentir o toque e as sensações do corpo, apenas não consegue controlá-las - isso inclui ereção e ejaculação precoce quando alguma de suas assistentes o auxilia em sua atividades básicas.

Mark necessita de um pulmão artificial para respirar, o que complica ainda mais sua vida. Fã de beisebol, jornalista e poeta, se tornou fundamental na luta pelos direitos das pessoas com necessidade especiais nos EUA.

Extremamente religioso, Mark quer ter alguma aventura sexual, e arrumar uma companheira é tão difícil que o nosso simpático protagonista resolve contratar uma terapeuta sexual; Cheryl Cohen Greene (Helen Hunt) é escalada para o cargo. A  partir daí, acompanhamos todo o trabalho físico e psicológico que a terapeuta desenvolve com seu paciente, e isso resulta em momentos engraçados e dramáticos. O que Cheryl não esperava era se apaixonar por seu paciente!

A direção e o roteiro ficaram a cargo de Ben Lewin, cuja sutileza e agilidade na projeção nos torna íntimos do protagonista; entendemos como funciona sua rotina, como escreve suas poesias e lê seus livros - no caso, utilizando um lápis na boca.

Em resumo, Lewin transformou, através de suas lentes, a vida de Mark em um grande "barato", sem apelar para a comédia. É um drama sem resoluções piegas e apelações desnecessárias. Grande destaque para as atuações de John Hawkes e Helen Hunt.

As Sessões é o tipo de filme o qual nos faz querer viver. Afinal, Mark era feliz dentro de suas limitações, amou e foi amado, apesar de nunca correspondido. Foi um sujeito sem movimentos e destinado a viver em cima de uma cama que conquistou o coração de três belas mulheres, e teve sua vida transformada em cinema. É uma pessoa especial em um filme excepcional!

Crítica feita por mim para o portalcritico.com




Um comentário:

  1. As críticas são muito boas e a história chama a atenção.

    Está na lista para conferir.

    Abraço

    ResponderExcluir