terça-feira, 13 de maio de 2014

Caged Fury: Ação com prisioneiras de lingerie e lésbicas!


Título: Caged Fury (Presídio em Fúria) - 1990
Diretor: Bill Milling
Roteiro: Bill Milling
Elenco: Roxanna Michaels, Erik Estrada, Michael Parks


Existem pérolas do cinema que deveriam sair da marginalidade e serem apresentadas para o mundo como exemplo de arte que se compromete apenas com a diversão.

"Caged Fury" deveria figurar na seção "Tralhas que você não conhece", mas isso aqui é tão ruim (e bom) que merece uns comentários...

Para se ter uma ideia do tamanho da bomba, leia a sinopse

O descontentamento geral leva a um ousado plano de fuga numa prisão de mulheres onde as internas são todas modelos de lingerie e as carcereiras lésbicas exigem favores especiais para se obter a condicional.

Porra! Essa sinopse já merece sua atenção, não?


Na trama uma jovem (gostosa) vai para a cidade grande para tentar a carreira de atriz e ser uma estrela do cinema - é lógico que ela só vai encontrar pilantras e tarados...hehe

Ao se recusar em fazer o teste do sofá para participar de um filme, a jovem é julgada e condenada a 2 anos de prisão!!!!

Ao chegar na prisão ela é atormentada por carcereiras lésbicas e obrigada a usar um uniforme nada convencional...

Caged Fury foi lançado em terras tupiniquins em como "Presídio em fúria" no formato VHS e como muitas produções dos anos 90 o filme apela para ação erótica sem noção. Assinado pelo diretor Bill Milling que tem em seu currículo atentados como "Febre de Verão" e "Lousiana Jones - No Templo do Prazer". Em Caged Fury o diretor se destacada por seu estilo putão em contar uma inesquecível história de amor, amizade e determinação - isso tudo apimentado por mulheres em profusão, ação calhorda e um herói que uma bizarra junção de Charles Bronson e Rambo.

O elenco é recheado de gente famosa (hehe), entre eles os canastrões Erick Estrada e Michael Parks. A protagonista ganha vida através da profunda atuação da gostosa Roxanna Michaels que se especializou em tralhas eróticas da pior qualidade, não é a toa que Caged Fury é o maior sucesso de sua carreira!


Caged Fury merece ser conhecido por todo cinéfilo doente mental e que busca trash da pior qualidade! Ação, mulheres e rock and roll são os principais atrativos.

E se o texto acima não te convenceu, fique com esse excelente diálogo apresentado nos primeiros minutos de projeção - nele um caminhoneiro questiona a uma gostosa como ela irá pagar a carona.

Gostosa: "Esse não é o caminhão para a autoestrada. Para onde diabos está indo?"

Caminhoneiro: "Estamos dirigindo por quase 320 km, e acho que você me deve"

Gostosa: "O quê?"

Caminhoneiro: "Você está sentada aí cruzando e descruzando as pernas. Acho que você deve estar querendo tanto quanto eu"

Gostosa: "Vá se ferrar"

Caminhoneiro: "Gosto quando fala sacanagem pra mim, isso me deixa pegando fogo."






Nenhum comentário:

Postar um comentário