domingo, 21 de julho de 2013

Killing Season - 2013


Robert De Niro x John Travolta! Quer melhor marketing do que esse? DeNiro já esta com idade bem avançada e colocá-lo em um papel de "ação" poderia não da certo; por outro lado Travolta precisava de um personagem impactante para lembrar ao mundo que ele é um dos "monstros sagrados" do cinema!

"Killing Season" não é só marketing, é um FILMAÇO em letras garrafais! Dirigido pelo contestado Mark Steven Johnson que em seu currículo conta com filmes muito criticados negativamente, entre eles, "O Demolidor" e "O Motoqueiro Fantasma"; apesar de eu não achar esses tão ruins, realmente existe um abismo enorme de qualidade e amadurecimento entre eles e "Killing Season"

O roteiro precisava de dois atores desse porte por focar toda sua projeção em apenas dois personagens; lógico que mesmo com atores dessa qualidade esse tipo de história é arriscada e necessita acima de tudo de bons diálogos e cuidadosa construção de personagens - que é o principal atrativo do filme. Personagens com personalidade, que sofrem com as consequencias físicas e psicológicas que a guerra proporcionou, transformando-os em vítimas de seus próprios atos. Lembrando que o roteiro participou da "Black List" que compõe os melhores roteiros não filmados pelos executivos de Hollywood.

A sinopse não condiz com a "profundidade" que o filme carrega; podemos resumi-la como: Um veterano de guerra que vive isolado nas montanhas recebe a visita de um misterioso europeu que procura vingança!

Me empolguei ao ver a caçada olho por olho de Travolta contra DeNiro; ao ver os dois "saindo no tapa"; ao ver DeNiro costurando sua própria perna em uma cena digna de "Rambo"; me surpreendi com o inglês cheio de sotaque propositalmente feito por Travolta para compor seu personagem; e me emocionei com o ato final que expõe seus personagens a toda a miséria de suas vidas!

"Killing Season" é um filme sem vilões e sem mocinhos; com direção impecável e atuações inesquecíveis, construindo assim um clássico imediato!




Nenhum comentário:

Postar um comentário